Portal Nacional dos Municípios e Freguesias

Praia Fluvial do Agroal reabre a 1 de julho com condicionantes

O Município de Ourém promoveu uma reunião na Praia Fluvial do Agroal para discutir o “regime excecional e temporário para ocupação e utilização de praias no contexto da pandemia Covid-19”, com os vários intervenientes na gestão desta estrutura que todos os anos atrai milhares de visitantes e que pelo quarto ano consecutivo volta a ostentar a Bandeira Azul. A reunião decorreu esta quarta-feira e, entre vários assuntos, confirmou que a época balnear 2020 na Praia Fluvial do Agroal tem início a 1 de julho e termina a 15 de setembro com várias condicionantes, de acordo com a legislação em vigor.

 

 

A reunião foi dirigida pelo Vice-Presidente da Câmara Municipal de Ourém, Natálio Reis, que anunciou a lotação máxima da Praia Fluvial do Agroal, definida em articulação com a Autoridade de Saúde concelhia, nesta época balnear: 200 pessoas. A praia estará acessível entre as 09h00 e as 19h00 e o controlo será efetuado no único acesso autorizado à estância balnear, onde serão identificados os visitantes que pretendem usufruir da piscina e os clientes dos estabelecimentos comerciais aí instalados. A lotação definida pretende salvaguardar as regras de distanciamento social em vigor e o Município irá assegurar a existência de seguranças que controlem o acesso à praia fluvial, assim como a higienização das casas de banho e balneários e a desinfeção regular das zonas onde se concentram mais veraneantes. Está assegurada a presença de nadadores salvadores e bombeiros e o uso de máscara de proteção individual ou viseira será obrigatório.

O Vice-Presidente da Câmara Municipal de Ourém comunicou também algumas melhorias em determinadas zonas de lazer com a colocação de areia e a criação de uma casa de isolamento no local, além de sinalização nos acessos à Praia Fluvial do Agroal a indicar se o espaço está ou não lotado. Os frequentadores da Praia Fluvial do Agroal poderão também instalar a aplicação móvel “Info Praia” (www.apambiente.pt) desenvolvida pela Agência Portuguesa do Ambiente, que disponibiliza em tempo real todo o tipo de informações sobre as praias nacionais. Além dos temas referidos, foram também abordadas as dificuldades de estacionamento no local, a necessidade de reforçar a recolha de resíduos sólidos e recicláveis, o programa de atividades que irá ser desenvolvido durante a época balnear, a nova localização dos vendedores ambulantes e as ações de limpeza de margens que decorrerão durante o mês de junho, entre outros assuntos.

 

 

Esta reunião alargada contou com a participação de representantes do Município de Tomar, dos Bombeiros Municipais de Tomar, do Delegado de Saúde de Ourém, do Presidente da União de Freguesias de Freixianda, Ribeira do Fárrio e Formigais, representantes da GNR de Tomar e de Ourém, dos Bombeiros Voluntários de Caxarias, do Serviço Municipal de Proteção Civil de Ourém, da Valorlis, Be Water e Tejo Ambiente, além dos técnicos da Câmara Municipal de Ourém.

Natálio Reis encerrou a reunião com a garantia de que todos os intervenientes estão coordenados e têm noção das suas obrigações neste contexto excecional. Deixou ainda um apelo ao bom senso e responsabilidade de todos os visitantes, na expetativa de que nunca se verifique a necessidade de encerrar a Praia Fluvial do Agroal pelo incumprimento da legislação em vigor.

 




ENVIE ESTE ARTIGO POR EMAIL PARA UM(A) AMIGO(A) >>


Ajude a divulgar esta noticia, Partilhe!

47 PARTILHAS / VISITAS

EM DESTAQUEÚLTIMAS NOTÍCIAS DE Ourém - VER TODAS

RECEBA DIARIAMENTE AS NOTÍCIAS E EVENTOS DE
Ourém

Registe aqui seu email para receber diariamente as últimas notícias e os próximos eventos a decorrer neste concelho.