Portal Nacional dos Municipios e Freguesias

Freguesia de Maia - Municipio de Ribeira Grande

Menu da Freguesia

 

A freguesia de Maia, concelho da Ribeira Grande, situa-se na costa Norte da ilha de São Miguel nos Açores. A população ronda os 2000 habitantes.

Ocupa 22 km2 de superfície. A mais extensa freguesia do concelho.

À Maia pertencem os lugares de Lombinha da Maia, Gorreana e Calços da Maia. No séc. XVI os Fenais da Ajuda, anteriormente denominado de Fenais da Maia, as Furnas e a Lomba da Maia, que apenas no inicio do sec. XX se tornou freguesia, também pertenciam à Maia

Geologicamente a Maia assenta sobre uma fajã vulcânica criada há cerca de 10.000 anos.

O nome Maia deve-se à sua fundadora, Inês da Maia, fidalga que se estabeleceu nos finais do sec. XV.

O povoamento deu-se logo após o descobrimento da ilha de S. Miguel testemunhado pela igreja que em 1522 já contava com o seu terceiro vigário.

A Maia é uma das mais antigas freguesias do concelho da Ribeira Grande e que mais se desenvolveu-se num curto espaço de tempo contribuindo para isso os terrenos férteis, as searas eram as melhores de São Miguel, e um porto de mar muito produtivo. Foi uma das freguesias onde a industria teve um peso significativo na actividade económica destacando-se as fábricas do tabaco, de chá e blocos de cimento. Na Maia foi fundada, e teve sede, uma das primeiras empresas de transporte de passageiros.

Ao nível social em 27 de Outubro de 1919 na Maia foi criada a comissão instaladora da Irmandade, hoje Santa Casa do Divino Espírito Santo da Maia, que em 1943 lançam a primeira pedra do Hospital que foi inaugurado a 24 de Setembro de 1944. Com a aquisição da farmácia em 1946 a Santa Casa apoia a população desde o Porto formoso aos Fenais da Ajuda.

A primeira escola masculina foi criada em 1860 seguida pela feminina em 1877 e em Janeiro de 1890 foi considerada um pólo importante ao desenvolvimento do ensino primário. As escolas instaladas em casas de particulares viram, em 1 de Dezembro de 1951, novos edifícios escolares do Plano dos Centenários. Em 2000 a Maia assiste à inauguração da Escola Básica 2,3 que apoia não só a população da Maia como as circundantes.

O Centro Social e Paroquial promove iniciativas culturais, conferências, colóquios e espectáculos.

As actividades económicas com mais relevo são a Agro-pecuária, Pesca, Industria do Chá, Comércio, Turismo de Habitação e Restauração.

A população católica celebra o Senhor dos Passos, no 4.º Domingo da Quaresma, a Festa do Espírito Santo, na segunda-feira do Espírito Santo, a Festa do Santíssimo, no penúltimo Domingo de Julho, a Festa de Nossa Senhora do Rosário, no primeiro Domingo de Outubro. Segundo o pároco da freguesia, há 14 procissões por ano.

 




Conteúdo Brevemente Disponível

Estabelecimentos de Ensino Nesta Freguesia

Empresas Nesta Freguesia