Portal Nacional dos Municípios e Freguesias

Loures recebe II Congresso Internacional A Hidráulica em Edifícios Monumentais

 

Este congresso tem como objetivos partilhar ideias e apresentar estudos e investigações no âmbito da hidráulica monumental, nomeadamente, sobre os equipamentos que a compõem, entre os quais, chafarizes, fontes ou aquedutos, e que, além de Loures, envolve também os municípios de Arruda dos Vinhos, Odivelas e Lisboa.

 

Hoje, o palco do congresso foi no Município de Loures, nomeadamente, no Palácio dos Arcebispos, em Santo Antão do Tojal, e, na ocasião, a vice-presidente da Câmara Municipal de Loures, e responsável pelo pelouro da Cultura, Sónia Paixão, mostrou-se satisfeita por receber este evento no Município de Loures e “neste espaço tão emblemático para o nosso concelho e tão valioso do ponto de vista do seu património”.

 

Na sessão de abertura do congresso, a autarca agradeceu ao ARTIS – Instituto de História da Arte “por ter desafiado e escolhido Loures para também ser um dos municípios abrangidos na área da sua investigação”.

 

“No âmbito deste projeto” – continuou – “encontramos uma simbiose perfeita entre as autarquias, o conhecimento científico e quem quer transmitir o seu saber, e desassossegar as organizações para melhor projetar algumas áreas”.

 

“Criar sinergias entre os diversos municípios é um conceito que, cada vez mais, temos vindo a privilegiar e no qual vimos como um fator de coesão e união entre o poder local”, frisou Sónia Paixão, mencionando “a valorização do nosso património, como um fator de engrandecimento”.

 

Durante todo o dia foram apresentadas diversas comunicações, com diferentes abordagens, das quais se destacam: Las gárgolas de la Catedral de Burgos, Fonte de Santo António: importância e monumentalidade, Análise arqueológica de um lago monumental romano localizado em Florentia Iliberritana (Granada, Espanha), A hidráulica monumental na lusitânia romana. Uma perspetiva de conjunto, A hidráulica monumental como área de estudo/observatório no quadro das culturas históricas da água, O abastecimento de água a Setúbal no final da Idade Média: a arquitetura hidráulica e o discurso político, e Contributo da arqueologia para o conhecimento do aqueduto de Santo Antão do Tojal. A passagem por Loures terminou com uma visita ao aqueduto e aos jardins do Palácio dos Arcebispos, em Santo Antão do Tojal.

 

O II Congresso Internacional A Hidráulica em Edifícios Monumentais decorre em quatro municípios e tem no seu programa a apresentação de diversas comunicações, bem como visitas orientadas aos monumentos locais. Ontem, o congresso realizou-se no concelho vizinho de Odivelas e contou com uma visita ao Mosteiro de Odivelas. Amanhã, dia 22 de outubro, o congresso rumará até ao auditório do Centro Cultural do Morgado, na Arruda dos Vinhos, no qual decorrerá também uma visita ao chafariz e ao aqueduto deste município. O congresso termina no dia 24, com uma visita ao Aqueduto das Águas Livres, em Lisboa.

 




ENVIE ESTE ARTIGO POR EMAIL PARA UM(A) AMIGO(A) >>


Ajude a divulgar esta noticia, Partilhe!

86 PARTILHAS / VISITAS

EM DESTAQUEÚLTIMAS NOTÍCIAS DE Loures - VER TODAS

RECEBA DIARIAMENTE AS NOTÍCIAS E EVENTOS DE
Loures

Registe aqui seu email para receber diariamente as últimas notícias e os próximos eventos a decorrer neste concelho.