Portal Nacional dos Municípios e Freguesias

Plano orçado em 300 mil euros, Tibério Dinis anuncia nova fase de requalificação e reordenamento urbano no Centro da Praia da Vitória

O Presidente da Câmara Municipal da Praia da Vitória, Tibério Dinis, apresentou o Projeto de Requalificação e Reordenamento da Praceta Dr. Teotónio Machado Pires e de várias artérias em calçada do centro histórico da Cidade, investimento global de cerca de 300 mil euros a avançar no próximo mês.

No âmbito da “Presidência Aberta” à Freguesia de Santa Cruz, o autarca anunciou o arranque “de uma nova fase do plano de requalificação urbana” que já levou à intervenção de correção de pavimentos em calçada e de passeios para peões em várias artérias do centro da Cidade, intervindo agora ao nível da Praceta Dr. Teotónio Machado Pires, da Rua de São Salvador, da Travessa de São Salvador e da Rua do Cruzeiro.

No total, o investimento previsto executar ronda os 300 mil euros para requalificação do piso em calçada e dos passeios daquelas três artérias, sendo que 90 mil euros estão reservados apenas à intervenção na Praceta Dr. Teotónio Machado Pires onde, mais do que uma simples repavimentação das vias de circulação se irá efetuar um reordenamento total do espaço, eliminando a rotunda atualmente existente, simplificando a circulação automóvel, criando bolsas próprias de estacionamento, alargando passeios para peões e criando uma zona verde.

Na sessão pública de apresentação do projeto, que decorreu na sede da Junta de Freguesia de Santa Cruz, o autarca deu a conhecer o plano (desenvolvido por técnicos do Município) e anunciou que o mesmo fica agora em discussão pública, durante os próximos 10 dias úteis, quer na sede da Junta de Freguesia, como nos serviços da Câmara Municipal, para, depois de recolhidas todas as opiniões e sugestões, de moradores, empresários e outros munícipes, se poder lançar a concurso público a empreitada.

“A Câmara Municipal da Praia da Vitória tem vindo a desenvolver um plano abrangente de requalificação urbana, que já intervencionou outras artérias e espaços da Cidade e agora é tempo de prosseguir com uma nova fase de requalificação de calçadas e de espaços. Uma das zonas que mais degradada está é, de facto, a Praceta Dr. Teotónio Machado Pires, mas, mais do que substituir o asfalto que se encontra em mau estado, queremos fazer um reordenamento total daquele espaço”, disse Tibério Dinis.

Assim, prosseguiu, “para além da substituição do piso de asfalto, decidiu-se reordenar toda aquela zona, de forma a organizar o estacionamento automóvel, criar passeios mais largos e mais seguros e de criar uma zona verde. Apresentamos o projeto, que fica agora em discussão pública, para que todos os interessados, desde logo os moradores, possam dar as suas opiniões e sugestões sobre o projeto, pois o objetivo primeiro é servir quem ali mora e tem os seus negócios”.

Com a implementação do projeto deixará de existir a atual rotunda (que dará lugar a uma nova zona verde), passando a Rua Padre Damião a ter dois sentidos de trânsito na ligação entre a Rua do Cruzeiro e a Rua Comendador Francisco José Barcelos, transformando-se a atual rotunda em entroncamento com a Rua Gervásio Lima. Com estas alterações são criadas bolsas próprias de estacionamento, os passeios são alargados (garantindo sempre o acesso às residências ali existentes e a pessoas com mobilidade reduzida), instalada nova iluminação pública, mobiliário urbano e plantadas novas árvores.

Findo os 10 dias de discussão pública do projeto, Tibério Dinis estima, “até ao final do corrente mês de maio”, lançar o concurso público da empreitada, a que se somam as requalificações de calçadas e passeios na Rua de São Salvador, Travessa de São Salvador e Rua do Cruzeiro.

 

Requalificação de calçadas no Centro Histórico

 

Desde o início do atual mandato que a Câmara Municipal da Praia da Vitória executou mais de 600 mil euros em projetos de requalificação urbana no centro histórico da Cidade, melhorando pisos em calçadas, reordenando passeios e intervindo ao nível das redes de águas pluviais.

Recorde-se, a este propósito, que, da primeira fase do plano de requalificação urbana do centro histórico já foram realizadas intervenções na Rua do Hospital (ao nível da calçada e da correção dos desníveis que se verificavam entre a estrada e o passeio, bem como a construção de uma nova rede de águas pluviais), na Rua da Artesia (ao nível da asfaltagem e do reordenamento dos sentidos de trânsito, com construção de uma rotunda no cruzamento com o Largo da Luz e a Rua Comendador Francisco José Cardoso), na Rua Conselheiro Constantino José Cardoso (requalificando o piso em calçada e os passeios para peões) e na Rua Comendador Francisco José Barcelos (repavimentando a via).

Agora avança a empreitada da segunda fase, melhorando o piso em calçada da Rua de São Salvador e da Rua do Cruzeiro e substituindo o asfalto degradado da Travessa de São Salvador por calçada, assim como serão intervencionados os passeios para peões (nas duas primeiras artérias) e construído um passeio na Travessa de São Salvador.

Gabinete de Comunicação.




ENVIE ESTE ARTIGO POR EMAIL PARA UM(A) AMIGO(A) >>


Ajude a divulgar esta noticia, Partilhe!

54 PARTILHAS / VISITAS

EM DESTAQUEÚLTIMAS NOTÍCIAS DE Praia da Vitória - VER TODAS

RECEBA DIARIAMENTE AS NOTÍCIAS E EVENTOS DE
Praia da Vitória

Registe aqui seu email para receber diariamente as últimas notícias e os próximos eventos a decorrer neste concelho.