Portal Nacional dos Municípios e Freguesias

Construcao do Destacamento Territorial da GNR decorre a bom ritmo

A 16 de março último, cumpriu-se um ano sobre o início da construção do novo Destacamento Territorial da GNR de Alenquer e para assinalar a data o presidente do município, Pedro Folgado, efetuou uma visita ao estaleiro de obras. Acompanhado pelo adjunto Tiago Pedro, por Pedro Almeida da SECAL, Paula Casseight da ARPT e António Duarte responsável do município pelo acompanhamento da obra, Pedro Folgado manifestou-se satisfeito com o andamento dos trabalhos, apesar de algumas paragens devido à pandemia da Covid-19.“O início da obra coincidiu precisamente com o primeiro confinamento, o que obviamente nos causou alguma apreensão. O prazo inicial de construção era de 18 meses, foi revisto recentemente para os 21 meses, pelo que sem outros contratempos deverá estar concluída no próximo mês de novembro”, esclareceu.“De resto a prioridade serão sempre os trabalhadores e o cumprimento rigoroso de todas as normas de segurança”, acrescentou.Concluídos todos os trabalhos de alvenaria (paredes exteriores e interiores), assim como toda a parte estrutural do edifício, encontram-se atualmente em execução as instalações técnicas, nomeadamente instalação elétrica, telecomunicações, redes hidráulicas, ar condicionado e ventilações.O novo Destacamento Territorial situa-se entre as vilas de Alenquer e Carregado, num terreno cedido pelo município e representa um investimento de cerca de 1 milhão e 400 mil euros. Apesar de ser financiado pelo ministério da Administração Interna, no protocolo o município assume-se como responsável pela execução da obra.O novo edifício é constituído por rés do chão e primeiro andar, sendo que no piso inferior se vão localizar os serviços, nomeadamente área de atendimento, secretaria, gabinetes, salas de detenção, cozinha, refeitório e balneários. No piso superior vão ficar localizados os quartos para os militares em serviço.O projeto inclui ainda a construção de dois edifícios destinados a garagem e anexos, numa área total de 950 metros quadrados.O atual Destacamento Territorial situa-se na antiga cadeia da comarca na vila Alta de Alenquer, um edifício com problemas estruturais graves, nomeadamente infiltrações, fissuras nas paredes exteriores e interiores e humidade. Está ainda subdimensionado e desajustado ao que são as necessidades atuais de serviço.“Desde o primeiro mandato deste executivo que assumimos como prioridade a construção de um novo quartel para a GNR, que assegurasse as melhores condições para o desempenho das suas funções”, salientou Pedro Folgado. “O facto de estar localizado entre Alenquer e Carregado, com boas acessibilidades, dá-nos também a garantia de que a segurança dos munícipes sairá reforçada, pelo que aguardamos com grande expectativa a inauguração desta obra”, acrescentou.O Destacamento Territorial de Alenquer é responsável pelos Postos de Alenquer, Merceana, Azambuja e Cadaval e conta com um efetivo de aproximadamente 50 militares.



ENVIE ESTE ARTIGO POR EMAIL PARA UM(A) AMIGO(A) >>


Ajude a divulgar esta noticia, Partilhe!

82 PARTILHAS / VISITAS

EM DESTAQUEÚLTIMAS NOTÍCIAS DE Alenquer - VER TODAS

RECEBA DIARIAMENTE AS NOTÍCIAS E EVENTOS DE
Alenquer

Registe aqui seu email para receber diariamente as últimas notícias e os próximos eventos a decorrer neste concelho.