Portal Nacional dos Municípios e Freguesias

Prote--o Civil continua a acompanhar situa--o epidemiol-gica no concelho

O presidente da Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto, Francisco Alves, reuniu na passada sexta-feira, dia 5 de março, no 3.º briefing da Comissão Municipal de Proteção Civil no âmbito do Plano Operacional Municipal - Covid-19 de Cabeceiras de Basto, com o objetivo de avaliar a situação epidemiológica no concelho.Estiveram igualmente presentes nesta reunião a vereadora Carla Lousada e o coordenador Municipal de Proteção Civil, bem como representantes da Unidade de Saúde Pública do Aces do Alto Ave, da USF O Basto e da USF Arco/Cavez, da GNR, da Delegação do Arco de Baúlhe da Cruz vermelha Portuguesa (CVP) e dos Bombeiros Voluntários Cabeceirenses. No decorrer do briefing foi realçada a tendência de descida dos casos ativos e dos casos em isolamento profilático, tendo sido efetuado um balanço da implementação do plano de vacinação no concelho, cuja primeira fase teve início a 16 de fevereiro, ficando concluída em meados de abril, quando a administração da segunda toma da vacina estiver concluída. De 16 de fevereiro a 5 de março foram vacinados 1.200 utentes com idade superior a 80 anos e pessoas com idade igual ou superior a 50 anos com cormobilidades (doenças específicas) associadas. Note-se que tem início no próximo dia 10 de março o processo de administração da 2.ª toma da vacina. Também os corpos ativos dos Bombeiros Cabeceirenses, da Delegação do Arco de Baúlhe da CVP e da GNR foram já vacinados, bem como a quase totalidade das Estruturas Residenciais para Pessoas Idosas (ERPI), das Unidades de Cuidados Continuados (UCC) e os profissionais de saúde, estando assim já um total de 1.650 pessoas vacinadas no concelho de Cabeceiras de Basto. Durante a reunião, todos os intervenientes foram unânimes quanto ao processo de vacinação que está a decorrer de forma eficaz, cumprindo-se os objetivos estipulados no que se refere à convocação, transporte e atendimento dos utentes. Foi, igualmente, sublinhada a estreita articulação e coordenação entre todas as entidades envolvidas nesta operação logística, desde logo o Serviço Municipal de Proteção Civil, as USF’s, Bombeiros, CVP e Juntas de Freguesia que têm tido um papel fundamental neste processo. De salientar que os briefings serão realizados sempre que a situação pandémica o justifique, com o objetivo de criar um conjunto de mecanismos eficientes e específicos que permitam dar resposta a situações de emergência no concelho.



ENVIE ESTE ARTIGO POR EMAIL PARA UM(A) AMIGO(A) >>


Ajude a divulgar esta noticia, Partilhe!

99 PARTILHAS / VISITAS

EM DESTAQUEÚLTIMAS NOTÍCIAS DE Cabeceiras de Basto - VER TODAS

RECEBA DIARIAMENTE AS NOTÍCIAS E EVENTOS DE
Cabeceiras de Basto

Registe aqui seu email para receber diariamente as últimas notícias e os próximos eventos a decorrer neste concelho.