Portal Nacional dos Municípios e Freguesias

PRR – Município de Ourém propõe ligação Ferroviária em Fátima

Luís Miguel Albuquerque apresentou, na Reunião de Câmara de 1 de março, os contributos submetidos pelo Município de Ourém ao Plano de Recuperação e Resiliência (PRR), uma vez concluído o período de consulta pública deste documento estratégico do Governo.

– Entre os contributos apresentados pelo Município de Ourém, destaque para a proposta de ligação da linha ferroviária do Norte à linha Oeste, em Fátima. A ligação seria complementada com a melhoria dos acessos da Zona Industrial de Casal dos Frades e Área de Acolhimento Empresarial de Freixianda à Estrada Nacional 356.

– Relativamente ao tópico “Missing Links”, Luís Miguel Albuquerque referiu que “deveria ser considerada a ligação da Autoestrada “A1” ao IC9, ligação essa defendida por outros Municípios limítrofes (…) sendo esta também uma velha aspiração da Freguesia de Fátima”.

– Relativamente à temática da eficiência energética, o Edil referiu que “os investimentos são destinados sobretudo ao Estado Central em detrimento do estado local”, sugerindo o alargamento de verbas para a eficiência energética de edifícios públicos municipais, assim como um investimento na digitalização da administração local.

– No parâmetro “Rede de Equipamentos Sociais” foi apresentado um contributo por parte do Município para contemplar a valência de creche, “área muito deficitária no nosso concelho e que requer investimento”, justificou o Presidente.

– Apontando o Ensino Profissional como instrumento muito reconhecido e privilegiado neste PRR, Luís Miguel Albuquerque referiu que ”nos nossos contributos destacámos a importância da construção do novo edifício da Escola de Hotelaria de Fátima”.

– Nas propostas apresentadas pelo Executivo Municipal constam também o pedido de inclusão de uma verba destinada ao turismo, verba essa não incluída na proposta inicial do Plano, assim como a inclusão da requalificação do Centro de Saúde de Ourém.

– Ainda na área da Saúde, destaque para proposta de inclusão do projeto do Centro Social de Ribeira de Fárrio: “É um projeto que já está aprovado e tem a 1ª fase da obra concluída, e parece-nos um projeto com muita maturidade para uma candidatura neste âmbito”, justificou Luís Miguel Albuquerque.

– Os contributos na área da Saúde incluíram ainda a proposta de criação de uma área de cuidados integrados de saúde mental em Fátima: “Parece-nos importante trabalhar na área dos cuidados integrados de saúde mental em Fátima (…) pelo impacto que a pandemia tem provocado na saúde mental”.

– Luís Miguel Albuquerque defendeu ainda uma “medida vocacionada para o apoio ao desporto de formação, que está a ser um dos grandes prejudicado nesta pandemia e parece-nos que faz todo o sentido serem contempladas verbas para esta componente”.

– O último contributo apresentado refletiu-se na apresentação de proposta de uma maior e melhor cobertura de redes móveis e fixas, especialmente nas zonas rurais do território.

O Plano de Recuperação e Resiliência de Portugal é o instrumento que permitirá aceder às verbas comunitárias pós-crise da covid-19, prevê 36 reformas e 77 investimentos nas áreas sociais, clima e digitalização, num total de 13,9 mil milhões de euros em subvenções.




ENVIE ESTE ARTIGO POR EMAIL PARA UM(A) AMIGO(A) >>


Ajude a divulgar esta noticia, Partilhe!

105 PARTILHAS / VISITAS

EM DESTAQUEÚLTIMAS NOTÍCIAS DE Ourém - VER TODAS

RECEBA DIARIAMENTE AS NOTÍCIAS E EVENTOS DE
Ourém

Registe aqui seu email para receber diariamente as últimas notícias e os próximos eventos a decorrer neste concelho.