Portal Nacional dos Municípios e Freguesias

Apoio a construcao de nova creche em Amora

A Câmara Municipal do Seixal aprovou ontem, 13 de janeiro, em reunião pública de câmara, um protocolo a celebrar com o Centro de Assistência Paroquial de Amora (CAPA) para apoio à construção de uma creche, com uma verba de 361 790 euros, no âmbito da candidatura ao programa Pares 2.0.

Esta instituição particular de solidariedade social, fundada em 1952, tem por objetivo a prestação de serviços nas áreas da ação social e da educação, entre outras, acompanhando atualmente cerca de 300 crianças com idades compreendidas entre os 4 meses e os 11 anos, distribuídas pelas valências de creche, pré-escolar e centro de atividades de tempos livres.

Segundo o presidente da Câmara Municipal do Seixal, Joaquim Santos, "este novo edifício permitirá melhorar as respostas sociais às famílias".

Nesta sessão foi também aprovada a Declaração de Interesse Municipal das Instalações da Antiga Fábrica de Cortiça Mundet, assim como da Quinta da Fidalga, com o objetivo de promover a conservação, reabilitação e valorização destes espaços com enorme valor histórico. Este facto foi realçado por Joaquim Santos, afirmando que "o património natural e cultural do concelho é muito valioso, pelo que deve ser preservado e mostrado às pessoas, para assegurar que as nossas raízes não se perdem".

A Mundet chegou a ser a maior empresa nacional no setor corticeiro. Atualmente neste espaço encontra-se o Núcleo da Mundet do Ecomuseu Municipal, que tem como objetivo a divulgação da história e a transmissão das memórias da antiga fábrica, do núcleo urbano antigo do Seixal e das comunidades do concelho e da região, assim como a preservação, estudo, interpretação e comunicação do património industrial, sem esquecer a promoção e valorização do universo da cortiça na atualidade nos contextos nacional e internacional.

A Quinta da Fidalga, cuja fundação remonta ao século XV, constitui um dos exemplos mais antigos e melhor preservados das quintas agrícolas e de recreio outrora existentes na região. É ali que está instalada a Oficina de Artes Manuel Cargaleiro, e onde irá funcionar o Centro Internacional da Medalha Contemporânea.

Nesta reunião, foi ainda aprovado o parecer favorável sobre a localização de uma unidade de produção de gases de origem renovável - hidrogénio, no Parque Industrial do Seixal. Este consiste num projeto-piloto para a produção de hidrogénio verde, alimentado por eletricidade gerada a partir de painéis fotovoltaicos, para a futura injeção de gás natural na rede pública, assegurando a continuidade de fornecimento de gás e a progressiva descarbonização do setor.




ENVIE ESTE ARTIGO POR EMAIL PARA UM(A) AMIGO(A) >>


Ajude a divulgar esta noticia, Partilhe!

67 PARTILHAS / VISITAS

EM DESTAQUEÚLTIMAS NOTÍCIAS DE Seixal - VER TODAS

RECEBA DIARIAMENTE AS NOTÍCIAS E EVENTOS DE
Seixal

Registe aqui seu email para receber diariamente as últimas notícias e os próximos eventos a decorrer neste concelho.