Portal Nacional dos Municípios e Freguesias

Líderes da euro-região apresentam plano estratégico para o pós-Covid-19 aos Governos de Portugal e Espanha

17/12/2020

O Eixo Atlântico apresentou hoje, dia 17 de Dezembro, um documento com as conclusões estratégicas dos líderes da euro-região para a recuperação pós-Covid-19 que será enviado aos Governos de Portugal e Espanha.   Este plano estratégico resulta da Conferência de Líderes, que decorreu Setembro em Pontevedra, na Galiza, e juntou um grupo de especialistas e autarcas de 31 municípios da associação transfronteiriça do Eixo Atlântico para debaterem a recuperação económica e social em toda a Euro-região no pós-pandemia Covid-19.  

Esta é uma iniciativa pioneira e única no contexto europeu que junta autarcas e decisores políticos de dois países. Tendo em conta os interesses da Euro-região do Norte de Portugal e da Galiza, o documento apresenta políticas a desenvolver, no quadro do processo de reconstrução, para superar a crise causada pela pandemia, bem como para fortalecer a resiliência das cidades e prevenir os efeitos de futuras crises que possam ocorrer. 

De acordo com Ricardo Rio, a cooperação que se regista nesta euro-região, que se prolonga há mais de 25 anos, é um factor que representa uma vantagem competitiva na preparação dos possíveis cenários pós-pandemia.   “Vamos apostar na criação de novas políticas urbanas que respondam aos desafios actuais de forma a estimular a competitividade e a inovação, criando melhores condições para o desenvolvimento territorial”, disse, realçando a importância da colaboração e partilha de responsabilidades entre poderes públicos, da cooperação institucional e do envolvimento dos cidadãos e de todos os agentes da sociedade para se potenciar os modelos de desenvolvimento mais sustentados e assentes na inovação. 

O Eixo Atlântico irá agora apresentar o documento aos governos de Portugal e Espanha, bem como à Xunta de Galicia e à CCDR-N, para serem incluídos nas políticas de recuperação, tanto a nível de gestão política como a nível de financiamento. Ao mesmo tempo, servirá de guia para matérias da competência dos municípios para serem delineadas soluções conjuntas e complementares, evitando a dispersão, a duplicação, promovendo a cooperação. 

Com base nos quatro pilares identificados para o futuro (economia, política social, desenvolvimento sustentável e inovação, complementados pela regeneração urbana e investigação), as medidas propostas incluem o fortalecimento do papel das cidades e do valor das suas marcas; as novas dimensões das cidades inteligentes e a proposta de um esquema de política local pós-Covid-19; o futuro das cidades na nova era que se avizinha e a necessidade de reforçar a participação dos cidadãos. 




ENVIE ESTE ARTIGO POR EMAIL PARA UM(A) AMIGO(A) >>


Ajude a divulgar esta noticia, Partilhe!

72 PARTILHAS / VISITAS

EM DESTAQUEÚLTIMAS NOTÍCIAS DE Braga - VER TODAS

RECEBA DIARIAMENTE AS NOTÍCIAS E EVENTOS DE
Braga

Registe aqui seu email para receber diariamente as últimas notícias e os próximos eventos a decorrer neste concelho.