Portal Nacional dos Municípios e Freguesias

Aulas presenciais podem ser suspensas no Concelho caso situação epidemiológica se agrave

Face à evolução da pandemia de covid-19 no concelho e na região, e tendo em conta o aparecimento de casos positivos relacionados com o contexto escolar, a Câmara de Boticas promoveu esta tarde uma reunião da Comissão Municipal de Proteção Civil, onde estiveram presentes representantes dos serviços de saúde (Unidade de Saúde Pública do Alto Tâmega e Barroso e Centro de Saúde de Boticas / ACES Alto Tâmega e Barroso), forças de segurança (GNR) e de auxílio e socorro (Comandante Distrital de Operações de Socorro e Comandante dos Bombeiros de Boticas), da Direcção do Agrupamento de Escolas Gomes Monteiro, da Segurança Social, e das Juntas de Freguesia do Concelho.

De uma forma unânime, todos demonstraram a sua preocupação com o aumento significativo de casos nos últimos dias, tendo a Saúde Pública reconhecido o trabalho que tem sido feito no Município de Boticas, com a implementação de várias medidas de controlo da pandemia e com uma comunicação exaustiva junto da população para o cumprimento das regras de segurança, nomeadamente no que diz respeito ao uso de máscara, ao distanciamento social, à etiqueta respiratória e à higienização regular das mãos.

Uma das maiores preocupações diz respeito ao Agrupamento de Escolas Gomes Monteiro, onde, nos últimos dias, surgiram casos de alunos positivos à Covid-19, que levaram ao isolamento de várias turmas: uma de 3º ano, duas de 9º ano e duas do jardim-de-infância, para além de vários alunos de outras turmas e ainda professores. Neste cenário, foi abordada a possível suspensão das aulas presenciais no Agrupamento, passando para o regime de ensino à distância, uma decisão que cabe às Autoridades de Saúde, após avaliação do grau de risco em termos do contágio. Apesar desta situação não estar excluída, a decisão só deverá ser tomada nos próximos dias, após avaliação da evolução da situação epidemiológica, tendo também em conta o resultado dos testes realizados esta segunda-feira aos alunos do 9º ano e a alguns professores e funcionários, num total de 49.

Para já, o ensino presencial no Concelho mantém-se, sendo, a todo o momento, avaliada a situação de risco e avançando para medidas mais rígidas caso se verifique um quadro de agravamento, procurando garantir a qualidade do ensino.

A sustentar as preocupações manifestadas está o facto de, na próxima avaliação do grau de risco de cada concelho, que se realiza esta quinta-feira (dia 12 de novembro) e que é consubstanciada através de uma “taxa de ataque” superior a 240 casos no acumulado de duas semanas por cada 100 mil habitantes, o Concelho de Boticas passar a integrar a listagem de Concelhos com restrições e limitações acrescidas (passa ao nível vermelho), já que actualmente regista uma taxa superior. Perante esta situação, aplicam-se as restrições de circulação entre as 23h00 e as 5h00, bem como aos fins-de-semana entre as 13h00 e as 5h00 do dia seguinte, já que a redução dos horários do comércio já está a ser praticada no Concelho.




ENVIE ESTE ARTIGO POR EMAIL PARA UM(A) AMIGO(A) >>


Ajude a divulgar esta noticia, Partilhe!

87 PARTILHAS / VISITAS

EM DESTAQUEÚLTIMAS NOTÍCIAS DE Boticas - VER TODAS

Rampa de Boticas cancelada

RECEBA DIARIAMENTE AS NOTÍCIAS E EVENTOS DE
Boticas

Registe aqui seu email para receber diariamente as últimas notícias e os próximos eventos a decorrer neste concelho.