Portal Nacional dos Municípios e Freguesias

CMOvar decreta dia de Luto Municipal pelo falecimento do Reverendo Padre Manuel Pires Bastos

08 de novembro 2020

Acolhendo a expressão do sentimento e profundo pesar do Povo Vareiro, pela inusitada notícia da morte do Reverendo Padre Manuel Pires Bastos, o Presidente da Câmara Municipal de Ovar, Salvador Malheiro, decretou Luto Municipal para o dia 09 de novembro, pela irreparável perda humana, paroquial, institucional, social e cultural.

Um Ser Humano que sempre esteve presente com a Sua ação e a Sua palavra, orientando e confortando, em especial, todos aqueles que mais precisavam.

Manuel Pires Bastos nasceu em Loureiro, Oliveira de Azeméis, em 7 de maio de 1935. Em 1958, foi ordenado padre.

Era pároco de Ovar desde 7 de dezembro de 1975. Em 2008, celebrou as bodas de Ouro Sacerdotais, tendo sido agraciado pela Câmara Municipal de Ovar com a Medalha de Mérito Municipal Ouro.

Nomeado pároco de S. Cristóvão de Ovar, num momento conturbado da vida local e nacional (após o 25 de novembro de 1975), o Reverendo Padre Manuel Pires Bastos destacou-se na comunidade pelo seu espírito aberto e dialogante, sendo capaz de congregar os seus paroquianos e levar por diante múltiplas atividades em prol do bem comum.

Para além da sua atividade pastoral (pároco e assistente espiritual de movimentos católicos), o Padre Manuel Pires Bastos renovou por completo o quinzenário «João Semana», transformando-o num jornal noticioso e dinamizou inúmeras atividades no campo da música (troupes de Reis, orquestra típica, coros, entre outros). Licenciado Ciências Históricas, pela Faculdade de Letras da Universidade do Porto, a história local era uma das suas paixões, publicando, com regularidade, artigos do maior interesse.

Em 2009, em conjunto com um grupo de voluntários da Paróquia de São Cristóvão, criou o projeto Mãos Solidárias, visando fornecer ao meio-dia, de segunda-feira a sábado, uma sopa diária e um suplemento alimentar a pessoas ou agregados familiares mais vulneráveis. Este projeto reveste-se hoje de grande importância social, tendo tido um papel crucial no pico da Pandemia COVID-19, razão pela qual foi distinguido, pela Câmara Municipal, em 25 de julho do corrente ano, com a Medalha de Mérito Municipal Cobre.

As cerimónias fúnebres, reservadas à família, decorrerão em Loureiro, sua terra natal.

A expressão do Luto, Respeito e Amizade será manifestada com o içar a meia haste da bandeira do Município de Ovar, nos edifícios camarários.




ENVIE ESTE ARTIGO POR EMAIL PARA UM(A) AMIGO(A) >>


Ajude a divulgar esta noticia, Partilhe!

116 PARTILHAS / VISITAS

EM DESTAQUEÚLTIMAS NOTÍCIAS DE Ovar - VER TODAS

RECEBA DIARIAMENTE AS NOTÍCIAS E EVENTOS DE
Ovar

Registe aqui seu email para receber diariamente as últimas notícias e os próximos eventos a decorrer neste concelho.