Portal Nacional dos Municípios e Freguesias


COMUNICADO N.º7 23 DE MARÇO

O Município da Lourinhã, na sequência do Plano Nacional de preparação e resposta à pandemia Coronavírus – COVID-19, da ativação do Plano Municipal de Emergência da Proteção Civil, e das orientações emanadas pela Direção Geral de Saúde vem informar os cidadãos das seguintes medidas de prevenção que estão a ser implementadas a partir de hoje, dia 23 de março. Voluntariado• Apela-se à inscrição de voluntários (preferencialmente profissionais de saúde) para eventual colaboração na resposta à situação de emergência pandémica, decorrente da ativação do Plano Municipal de Emergência de Proteção Civil da Lourinhã. Todos os interessados podem inscrever-se através do email: presidencia@cm-lourinha.pt, enviando o nome, contacto telefónico, e especialidade na área profissional. Para qualquer esclarecimento contactar o número PROCIV24H – 919 996 410.Manutenção• O Município da Lourinhã continua a garantir o serviço de recolha de resíduos sólidos urbanos, nos dias estipulados, mas maioritariamente em horário noturno. Apela-se, por isso, à compreensão dos munícipes para que nos casos em que a recolha é feita por baldes individuais, estes sejam colocados no exterior, na noite anterior ao dia previsto para a recolha; • O município da Lourinhã em articulação com as juntas de freguesia do concelho, continua a proceder à desinfeção de locais na via pública, pelo que recomenda que os cidadãos respeitem as zonas de intervenção e caso estejam por perto não se aproximem das operações em curso.Encerramento• Reforçando as medidas expressas no Edital n.º5/2020 de 17 de março do Capitão do Porto de Peniche, e devido ao desrespeito por parte dos cidadãos às orientações das autoridades locais e nacionais relativamente ao isolamento social, determina-se como medida de preventiva de contensão da pandemia COVID-19 o condicionamento imediato dos acessos e estacionamentos das praias da Areia Branca, Areal Sul, Peralta, Porto Dinheiro e Valmitão.Outras Determinações• Apela-se a todas as empresas do concelho da Lourinhã que possuam máscaras, luvas e outros materiais de proteção individual, que os disponibilizem aos agentes de proteção civil, contactando os serviços através do email proteccaocivil@cm-lourinha.pt, ou através do nº PROCIV24H – 919 996 410;• Apela-se a todos os cidadãos que tenham familiares que regressam ou tenham regressado do estrangeiro, para contactarem de imediato a linha SNS24 (808242424). Caso não consigam, por favor contactar a linha PROCIV24H – 919 996 410;• Apela-se a todos aqueles que tenham cobertores, lençóis, almofadas com capa e fronha, que disponibilizem ao município para conseguirmos equipar os centros de acolhimento temporário que estão a ser constituídos no concelho, para receber todos os cidadãos que tenham de fazer quarentena fora da sua residência. As doações devem ser entregues no Estádio Municipal da Lourinhã, de segunda a sexta-feira, entre as 9h00 e as 12h00;• Dados os cuidados de saúde primários não terem meios para diagnóstico ecográfico as clínicas que prestam estes serviços devem permanecer abertas para a realização dos exames ecográficos de rastreio às gravidas assim como, todos os exames complementares urgentes devendo os restantes exames não urgentes serem adiados.Recomendações• O acesso a farmácias e a estabelecimentos de venda de produtos de primeira necessidade deve fazer-se preferencialmente por postigo ou à porta, de forma ordeira e apenas em situações de extrema necessidade, respeitando sempre o distanciamento social, bem como as orientações de cada estabelecimento;• Tem o "dever geral de recolhimento domiciliário", evitando as deslocações para fora de casa, “além das que são necessárias”. As exceções são: atividade profissional; assistência a familiares; acompanhamento de menores para atividade ao ar livre ou passeio de animais de companhia;• Todos os cidadãos e empresas estão obrigados a cumprir com as determinações expressas no Decreto n.º2-A/2020 de datada de 20 de março disponível no site municipal.Informa-se ainda que, os centros de acolhimento de doentes não urgentes, os centros de despistagem, e outras estruturas que venham a ser criadas no concelho da Lourinhã, tem como objetivo garantir uma resposta eficiente e coordenada, sendo que só serão ativadas mediante indicação da autoridade de saúde.Estas medidas produzem efeitos imediatos e prolongam-se até ao dia 30 de abril, sendo sujeitas a avaliação permanente, em articulação com as orientações das autoridades de saúde.FIQUE EM CASA E SÓ SAIA SE FOR ESTRITAMENTE NECESSÁRIO!Todos somos agentes de saúde pública!



ENVIE ESTE ARTIGO POR EMAIL PARA UM(A) AMIGO(A) >>


Ajude a divulgar esta noticia, Partilhe!

31 PARTILHAS / VISITAS

EM DESTAQUEÚLTIMAS NOTÍCIAS DE Lourinhã - VER TODAS

RECEBA DIARIAMENTE AS NOTÍCIAS E EVENTOS DE
Lourinhã

Registe aqui seu email para receber diariamente as últimas notícias e os próximos eventos a decorrer neste concelho.