Portal Nacional dos Municípios e Freguesias


SIMAR recebem certificado do Sistema de Gestão da Qualidade

 

O Palácio dos Marqueses da Praia e Monforte, em Loures, recebeu a cerimónia de entrega do certificado do Sistema de Gestão da Qualidade pela APCER aos SIMAR, segundo a norma NP EN ISO 9001:2015. Trata-se do reconhecimento da prestação de um serviço público de qualidade à população dos municípios de Loures e Odivelas, cumprindo os requisitos dos clientes, estatutários e regulamentares, satisfazendo e superando as necessidades e expetativas da comunidade, bem como assegurando um elevado nível de qualidade no abastecimento de água, recolha de resíduos e drenagem de águas residuais.

“O projeto dos SIMAR foi criado para reforçar a aposta no serviço público e de qualidade para prestar às populações todo o apoio, de acordo com as suas funções. Julgo que uma boa forma de comemorar este quinto aniversário dos SIMAR é esta cerimónia de entrega da certificação de qualidade da nossa estrutura, que é um elemento essencial e muito importante para o nosso trabalho presente e futuro”, começou por dizer o presidente do conselho de administração dos SIMAR e também da Câmara Municipal de Loures. Bernardino Soares destacou a importância da certificação de qualidade, considerando-a “um marco muito importante na vida dos SIMAR. Este certificado diz respeito a um trabalho intenso realizado nos últimos tempos, que tem como objetivo corresponder às exigências que esta chancela nos obriga. Mas podemos dizer que, receber a certificação de qualidade, que hoje aqui nos foi entregue, corresponde a uma realidade. Pela credibilidade que a APCER tem e exigência dos critérios do processo de certificação, podemos afirmar que este processo corresponde a um padrão de qualidade, bem como a uma realidade com a dimensão dos serviços prestados nos últimos anos, pela recolha do lixo, abastecimento de água e pelo tratamento de águas residuais em dois concelhos muito populosos. Os SIMAR servem um território com 370 mil habitantes, e dezenas de milhares de empresas, o que corresponde, na orgânica da organização, a mais de 170 mil clientes,  situação rara a nível nacional. Nesta organização trabalham quase 1000 trabalhadores, uma dimensão muito significativa para uma estrutura que tem uma complexidade crescente nas missões que desempenha”.

“Dar resposta a todo este universo, em condições razoáveis e em melhoria constante, é, sem dúvida, uma matéria que nos deve orgulhar e é a isso que corresponde também esta certificação, que nos fornece os instrumentos para definirmos os objetivos e aferirmos a sua evolução. Temos de aproveitar esta oportunidade nos SIMAR para assumir, como trabalho diário, a aferição destes objetivos, o controlo de execução sobre as medidas que decidimos tomar para os atingir e a monitorização constante dos nossos indicadores de qualidade. É, sobretudo, para isso que a certificação nos serve, para ficarmos munidos de instrumentos que nos permitam melhorar continuamente. Precisamos de interiorizar esta necessidade de melhoria constante, de procura de melhores processos, de melhor comunicação entre serviços e com o exterior, e consequentemente responder às nossas solicitações”, concluiu o autarca de Loures.

Para Hugo Martins, presidente da Câmara Municipal de Odivelas, “cada vez mais a qualidade é uma exigência dos nossos tempos. E ao recebermos hoje este voto de confiança, esta certificação, assumimos também um compromisso com aquilo que é a nossa missão: servir mais e melhor aqueles que são os nossos clientes, os nossos munícipes. Hoje é um dia não só de satisfação, mas também de regozijo, que assumimos não só como uma responsabilidade da Administração, mas também de todos os trabalhores dos SIMAR”.

“Queremos, por isso, encarar esta certificação como um voto de reconhecimento, mas, acima de tudo, com um grande sentimento e sentido de responsabilidade, para uma cultura de exigência que temos de pautar e primar na Administração Pública”, salientou o autarca de Odivelas.

Já Rui Abreu, diretor delegado dos SIMAR, sublinhou a importância da certificação do Sistema de Gestão da Qualidade na organização: “Quando decidimos avançar com este projeto, tínhamos em propósito duas ideias fundamentais: melhorar a organização e, consequentemente, o seu desempenho. A escolha da norma ISO 9001:2015 resultou da perceção de que termos a norma mais colaborante e também a mais alinhada com o que é gerado em prol da população que servimos. Esperávamos também que contribuísse para a melhoria da imagem interna e externa da organização, reforçando a confiança de todos. Desta forma, a certificação do Sistema de Gestão da Qualidade é o reconhecimento do cumprimento desta norma, bem como da nossa capacidade para cumprir, de forma sistemática, os requisitos com que nos comprometemos”.

“Estamos cientes que temos prestado um serviço de qualidade tão exigentemente acompanhado pelo regulador ERSAR, que nos atribuiu, nos últimos tempos, duas menções honrosas – Selo de qualidade exemplar de água para consumo humano 2018 e Selo de qualidade de gestão de resíduos urbanos 2018 –, qualidade essa que foi também confirmada pelos nossos clientes e utentes num recente estudo de avaliação da sua satisfação. Mas este é mais um reconhecimento, agora por parte de uma entidade independente e credível, para reforçar a confiança na nossa organização. Este novo estatuto de entidade certificada encoraja-nos a continuar o nosso caminho e a fazer sempre mais e melhor rumo a tão almejada excelência”, referiu Rui Abreu.

 

Certificação APCER

“Como presidente da APCER, é para mim muito gratificante estar presente nesta cerimónia de entrega do certificado de concessão do Sistema de Gestão da Qualidade, de acordo com a norma ISO 9001:2015, no âmbito do abastecimento público de água, recolha e drenagem de águas residuais e recolha e transporte de resíduos urbanos nos concelhos de Loures e Odivelas”, afirmou Caldeira dos Santos.

“Quero, em primeiro lugar, felicitar os Serviços Intermunicipalizados de Águas e Resíduos de Loures e Odivelas e todas as equipas de trabalho envolvidas neste desafio, pela capacidade de empenho demonstrado em todo este processo, tendo esta cerimónia o simbolismo do reconhecimento do esforço e dedicação de todos os envolvidos. É da mais elementar justiça realçar que, desde a sua criação, os SIMAR têm procurado contribuir para o desenvolvimento sustentável dos concelhos de Loures e Odivelas e para a melhoria da qualidade de vida dos seus residentes e visitantes”, manifestou o presidente da APCER – Associação Portuguesa de Certificação, acrescentando que os SIMAR “são, sem dúvida, uma empresa de valor estratégico, essencial para os dois concelhos”.

Caldeira dos Santos terminou a sua intervenção, agradecendo aos SIMAR e aos municípios de Loures e Odivelas “pela confiança demonstrada ao escolher-nos como parceiro. Manifesto a disponibilidade para que esta parceria se possa consolidar no futuro”.

Bernardino Soares recebeu do presidente da APCER o certificado e a bandeira do Sistema de Gestão da Qualidade, no âmbito da norma ISO 9001:2015.

Presentes na cerimónia de entrega da certificação estiveram também os vogais do conselho de administração dos SIMAR, Paulo Piteira e Mónica Vilarinho, os vereadores da Câmara de Loures, João Calado, Nuno Dias e Ivone Gonçalves, e os vereadores dos municípios de Odivelas e Vila Franca de Xira, Rui Francisco e Cláudia Martins, respetivamente.

 




ENVIE ESTE ARTIGO POR EMAIL PARA UM(A) AMIGO(A) >>


Ajude a divulgar esta noticia, Partilhe!

26 PARTILHAS / VISITAS

EM DESTAQUEÚLTIMAS NOTÍCIAS DE Loures - VER TODAS

Cãominhada em Sacavém

RECEBA DIARIAMENTE AS NOTÍCIAS E EVENTOS DE
Loures

Registe aqui seu email para receber diariamente as últimas notícias e os próximos eventos a decorrer neste concelho.