Portal Nacional dos Municípios e Freguesias

Vacinação Antirrábica de canídeos é obrigatória. Consulte Calendário do Serviço Oficial

A Direção Geral de Alimentação e Veterinária informa que, pelo disposto na legislação aplicável, decorre de 18 a 26 de julho a campanha oficial de vacinação antirrábica e de controlo de outras zoonoses para o ano de 2022 (ver listagem de documentos anexa a esta notícia).

A vacinação é obrigatória, a nível nacional, para todos os cães com 3 ou mais meses de idade que não disponham de vacina antirrábica válida. pelo que os seus detentores deverão apresentar esses animais no dia, hora e local indicados a fim de serem vacinados pelo Médico Veterinário responsável pela campanha ou fazer com que estes sejam vacinados por Médico Veterinário à sua escolha. Para controlo da equinocose/hidatidose, será ainda administrada uma dose de comprimidos antiparasitários variável de acordo com o peso do animal a todos os cães que se apresentem à campanha, sendo fornecida ao detentor uma segunda dose de comprimidos para administração posterior. Os detentores de animais que se apresentem à campanha com sintomas que permitam suspeitar de doença infetocontagiosa serão notificados para procederem à realização de testes.

Tome nota: nos cães, a falta de vacina antirrábica válida, devidamente certificada no boletim sanitário do animal constitui uma contraordenação punível com coima de 50€ a 3.740€ ou 44.890€, consoante o agente seja pessoa singular ou coletiva

 Preçário: Vacinação Antirrábica - 10€ Boletim Sanitário - 1€ Identificação Eletrónica - Registo SIAC - 2,50€ Isenções - cães-guia, cães-guarda de estabelecimentos do Estado, de Corpos Administrativos, de Instituições de Beneficência e Utilidade Pública, dos Serviços de Caça do INCF e das Autoridades Militares, Militarizadas e Policiais sem assistência clínica privativa

Calendário do Serviço Oficial de Vacinação Santa Cruz (junto à Escola) - 18 julho, 14h00 Dogueno (junto ao Café) - 18 julho, 15h00 Telhada (junto à Escola) - 18  julho, 16h30 Corte Figueira (junto ao Café) - 18 julho, 17h30 Monte dos Mestres (junto ao Café) - 19 julho, 14h00 Porteirinhos (Largo) - 19 julho, 15h00 A-do-Neves (junto ao Jardim) - 19 julho, 16h00 Rosário (junto ao Lavadouro) - 19 julho, 17h00 Fontes Ferrenhas (junto ao Café Rodrigues) - 20 julho, 14h00 Corvatos (junto ao Café) - 20 julho, 15h00 Almodôvar (Lardo da Feira) - 20 julho, 16h15 Felizes (junto ao Café) - 21 julho, 14h00 Monte Abaixo (junto ao Café) - 21 julho, 15h00 Corte Amarelo (junto à casa do Sr. Ventura) - 21 julho, 16h00 São Barnabé (junto à Igreja) - 21 julho, 17h15 Guedelhas (junto à Escola) - 22 julho, 14h00 Viúvas (junto ao Jardim) - 22 julho, 15h00 Semblana (Junta de Freguesia) - 22 julho, 16h00 Graça de Padrões (junto à Igreja) - 22 julho, 17h30 Santa Clara-a-Nova (Junta de Freguesia) - 23 julho, 08h00 Aldeia dos Fernandes (estaleiro da Junta de Freguesia) - 23 julho, 09h30 Corte Zorrinho (junto ao Café) - 25 julho, 16h00 Moinhos de Vento (junto à Escola) - 25 julho, 17h30 Gomes Aires (junto à Escola) - 26 julho, 16h30 Corte da Azinheira (junto ao Café) - 26 julho, 18h30

Para além destas datas, a vacinação antirrábica e marcação com responder/registo no SIAC poderão ainda ser feitos até 30 de outubro de 2022 no Largo da Feira, em Almodôvar, todas as quartas-feiras úteis a partir das 14h30.

 

Tenha em consideração que a Raiva é uma Zoonose grave e perigosa:

É uma doença viral que afeta o sistema nervoso central dos mamíferos, incluindo o homem. O vírus encontra-se na saliva dos animais infetados. A doença é normalmente transmitida através da mordedura de um animal infetado com raiva, na maior parte dos casos, cães e outros carnívoros.

A raiva está presente em todos os continentes exceto na Antártica. Alguns países são indemnes de Raiva. Noutros, particularmente na África e na Ásia, a doença mantem-se endémica, ocorrendo quer em cães quer em reservatórios silvestres, como por exemplo nos morcegos. Em média, no mundo, morre pelo menos uma pessoa a cada 10 minutos em consequência da Raiva: a Raiva mata cerca de 70.000 pessoas todos os anos, a maior parte dos casos crianças com menos de 15 anos, sobretudo como resultado da exposição a cães. Por isto, a primeira prioridade para prevenir os casos mortais nos humanos deve ser o controlo da doença nos cães, particularmente em cães errantes. Embora Portugal seja um país indemne de raiva, pode ocorrer a entrada clandestina de um animal que se tenha infetado com o vírus da raiva noutro país.

Qualquer situação em que tenha ocorrido mordedura ou arranhadura por um animal doméstico ou silvestre deve ser investigada: a ocorrência de agressão deve ser reportada ao médico veterinário municipal.

Informação adicional:

OIE – Portal da Raiva

Portal da Raiva OMS

Raiva - Site da DGAV




ENVIE ESTE ARTIGO POR EMAIL PARA UM(A) AMIGO(A) >>


Ajude a divulgar esta noticia, Partilhe!

50 PARTILHAS / VISITAS

EM DESTAQUEÚLTIMAS NOTÍCIAS DE Almodôvar - VER TODAS

RECEBA DIARIAMENTE AS NOTÍCIAS E EVENTOS DE
Almodôvar

Registe aqui seu email para receber diariamente as últimas notícias e os próximos eventos a decorrer neste concelho.