Portal Nacional dos Municipios e Freguesias

Bem Vindo à
Freguesia de União das Freguesias de Monte e Queimadela

Freguesia de União das Freguesias de Monte e Queimadela - Municipio de Fafe

Menu da Freguesia

Caracterização Monte e Queimadela é uma união de duas freguesias: Monte e Queimadela . Pertence ao concelho de FAFE, tem 798 habitantes (2011) e abrange uma área de 20.37 km2. Faz fronteira com Sobradelo da Goma (Póvoa de Lanhoso), Serafão, Agrela, Gontim Revelhe, Estorãos, Travassós, Pedraído, Felgueiras. É atravessado pelo Rio Vizela, sendo que a este se junta outro mais pequeno que nasce em Luílhas (Monte). A União de Freguesia é constituída dos seguintes lugares: - Casal Estime, Luílhas e Monte (Monte); - Ameixedo, Argande, Cabanas, Calcões, Cheda, Covelas, Igreja, Pondres, Pontido, Queimadela, Repulo, Ribeiras, Santa Cruz e Vila Franca (Queimadela). Origem e História Foi constituída em 2013, no âmbito de uma reforma administrativa nacional, pela agregação das antigas freguesias de Monte e Queimadela e tem a sede na Avenida de São Pedro, 528, em Queimadela. Monte: Situada numa elevação montanhosa, nas abas da Serra da Cabreira, esta Monte é marcada pela existência das aldeias e montanhas de Luílhas, Casal dEstime e de Igreja. A mais antiga noticia que surge desta freguesia data do século VII (615), num documento que dizia: De sancto Michael de Monte pro dativa II quartarios, mortuaris et nihil aliud. He hermida de San Migel das Caldas. As inquisições de 1220 citam: De parochia Sancti Michaellis de Monte, e as de 1290 referem : freguesia de San Miguell do Monte. Foi uma vigararia anexada à abadia de S.Bartolomeu de Vila Cova. Tinha no século XVIII uma ermida de que não se sabe o nome. É uma freguesia montanhosa, até há bem pouco tempo isolada, cujos habitantes viviam em grande parte da pastorícia. Monte passou do concelho de Guimarães para o Concelho de Fafe em 6 de Novembro de 1836. Queimadela: Segundo Pinho Leal, citado por Coimbra (1997: 423), Queimadela “é povoação muito antiga, provavelmente anterior à fundação da nossa monarquia”. A atestar a ocupação pré-histórica deste território, são citadas as quatro mamoas do núcleo megalítico de Argande, de grande vivência medieval, testemunhada pelos núcleos rurais da Cheda, Argande e Santa Cruz. Só alguns milénios depois, mercê da cristianização deste território, haveria de se “organizar a respectiva paróquia, com o seu orago São Pedro”. Queimadela pertencia ao Julgado medieval de Travassós, doado em 1014 por Ramiro II ao Mosteiro de Guimarães. Nas inquirições de 1220 aparece sob a designação “De Sancto Petro de Queimadela” e em 1290 é conhecida por “freguesia de Sam Pedro de Queymadella”. Em 1528, a vigairaria de Queimadela aparece anexada à reitoria de S.João de Castelões, no concelho de Guimarães, sendo Comenda da Ordem Militar de Cristo. Mais tarde, passou a reitoria independente, “apresentando a mitra bracarense o abade”. Queimadela pertenceu ao concelho de Guimarães até 6 de Novembro de 1836, altura em que foi incorporada no concelho de Fafe. Festividades: Festa de S. Frutuoso (Luílhas) Festa de S. António (Casal D’Estime) Festa do Santíssimo Sacramento (Monte e Queimadela) Festa de S. Miguel (Monte) Festa de S. Pedro (Queimadela) Festa da Senhora da Piedade (Santa Cruz) Património: Sedes em Monte e em Queimadela Tanques Públicos e fontes: Igrejas: S. Miguel do Monte S. Pedro de Queimadela Capela de Sta Cruz Capela de Luílhas Escolas de Queimadela, Ameixedo, Monte, Luílhas. Barragem de Queimadela: A freguesia de Monte e Queimadela possui uma barragem (Barragem de Queimadela) que proporciona belos espaços de lazer, tal como locais para atividades desportistas como a canoagem entre outros desportos radicais, dispõem ainda de um parque de campismo aberto ao público, para melhor acolher os visitantes a este espaço magnífico (Revelhe). A Aldeia Turística do Pontido Moinhos Espigueiros

Conteúdo Brevemente Disponível

Entidades Públicas Nesta Freguesia

Estabelecimentos de Ensino Nesta Freguesia

Forças de Segurança Nesta freguesia

Sem ofertas disponíveis actualmente nesta freguesia.