Portal Nacional dos Municipios e Freguesias


Último fim de semana para desfrutar da Feira do Livro

Último fim de semana para desfrutar da Feira do Livro

A edição 2018 da Feira do Livro do Porto despede-se, neste domingo, dos Jardins do Palácio de Cristal, mas até amanhã acontecem debates, duas lições, a última sessão de spoken word, vê-se um filme de Pedro Almodóvar, há jazz ao vivo ao entardecer e ainda várias atividades inseridas no programa educativo e de animação. Acontecem também Inaugurações Simultâneas em Miguel Bombarda, o Cultura em Expansão vai ao Shopping Brasília, há mercados ao ar livre e muitas mais propostas para aproveitar o fim de semana.

Neste sábado, às 12 horas, chega à Feira do Livro a penúltima lição sobre clássicos da literatura, dedicada a Goethe e ministrada pelo ensaísta e crítico literário João Barrento.

Da parte da tarde, às 16 horas, acontece o penúltimo debate, no auditório da Biblioteca Municipal Almeida Garrett. Com o sugestivo tema "Em Companhia da Solidão", os escritores José Riço Direitinho e Valério Romão refletem sobre as novas solidões numa sociedade cada vez mais ligada às redes sociais, com moderação de Susana Moreira Marques. 

No exterior, com o enquadramento dos Jardins do Palácio de Cristal, propõe-se um fim de tarde de música jazz. O epílogo destas sessões, coordenadas pela empresa municipal PortoLazer, acontece no domingo. Sempre entre as 16 e as 19 horas.

Ainda hoje, às 21,30 horas, deixe-se seduzir pela "Melancolia" da última sessão de spoken word, protagonizada por Sara Carinhas, Nuno Rodrigues e Cláudia Varejão. Este ciclo foi programado por Anabela Mota Ribeiro e tem como ponto de partida a relação entre a palavra escrita e cantada, deslindando o modo como essa ligação foi trabalhada por autores como Chico Buarque, Jacques Brel, Leonard Cohen, Bob Dylan, Stevie Wonder, entre outros poetas e escritores.

Num raio inferior a 1 quilómetro ao recinto da Feira do Livro, realizam-se nesta tarde as Inaugurações Simultâneas de Bombarda. Há 15 galerias abertas ao público, visitas-guiadas conduzidas por alunos da Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico do Porto (sob a coordenação da PortoLazer) e várias ações de rua com surpresas reservadas.

De regresso à Feira do Livro, e já às 12 horas de domingo, chega à Capela de Carlos Alberto (localizada nos Jardins do Palácio) o último capítulo do breve curso de literatura. A professora catedrática Maria de Fátima Sousa e Silva avalia Os Gregos, numa lição que propõe uma viagem até à origem do teatro, no século V a.C.

Às 16 horas, a última sessão especial ganha forma de Conversa com Luís Castro Mendes, ministro da Cultura e também poeta. A moderação é assegurada pelo jornalista Sérgio de Almeida, e o diálogo, que terá como casa o auditório da Biblioteca Municipal Almeida Garrett, assinala a abertura da oitava temporada do ciclo Porto de Encontro.

Mesmo a fechar a programação da Feira do Livro, será exibida, às 21,30 horas de domingo, a última película do ciclo de cinema, programado por António Costa e Guilherme Blanc. Trata-se do filme "Ata-me", do galardoado realizador espanhol Pedro Almodóvar.

A par desta agenda calendarizada, destaque ainda para as três exposições inseridas na programação (que pode visitar durante o horário de funcionamento da Feira do Livro), que nesta edição homenageia José Mário Branco, cantautor portuense, voz e figura emblemática de Abril. Em "Maio 68 - A Revolta em Cartazes" descobrirá uma seleção de 15 icónicos cartazes, produzidos na École de Beuax-Arts, que funcionaram como instrumento de difusão e propaganda dos ideais revolucionários. Pode encontrá-los no foyer do auditório da Biblioteca Municipal Almeida Garrett.

A segunda exposição que se despede com a Feira do Livro é "Porto sentido de fora: Livros e guias de viagem de Portugal entre a Monarquia Constitucional e o Estado Novo (1820-1974)", que parte de um "corpus" com mais de 300 obras, reunidas a partir de uma coleção particular e do acervo da Biblioteca Pública Municipal do Porto e pretende mostrar como o Porto foi sentido pelos autores dos livros e guias de viagens publicados no estrangeiro durante quatro períodos da História: Monarquia Constitucional, Primeira República, Ditadura Militar e Estado Novo.

Com continuidade para além do certame, fica na Galeria Municipal a exposição "MUSONAUTAS, VISÕES & AVARIAS: 1960-2010 - 5 décadas de inquietação musical no Porto", que propõe uma retrospetiva de cinco décadas de criação musical portuense nas suas diferentes expressões: desde a música de contestação à música experimental ou eletrónica, passando por vários outros registos sonoros.

Outras propostas que mexem com a cidade

Entretanto, o ciclo Um Objeto e seus Discursos por Semana vai hoje ao polo do Teatro de Marionetas do Porto na Quinta de Bonjóia para, a pretexto de uma cabeça gigante de marioneta, assinalar os 30 anos da companhia fundada pro João Paulo Seara Cardoso.

O Shopping Brasília é, neste sábado e domingo, palco do programa municipal Cultura em Expansão, com o espetáculo-percurso "Espírito do Lugar", realizado pela Circolando. As duas últimas apresentações acontecem hoje e amanhã, às 21 horas, no interior do centro comercial e em todo o processo é estimulada a proximidade e colaboração com os habitantes da zona.

 

No Teatro Municipal do Porto, o arranque da temporada é assinalado com um espetáculo da Companhia Nacional de Bailado, "Olhos caídos" + "A tecedura do caos" + "S", dirigido pela coreógrafa Tânia Carvalho. Hoje, o espetáculo sobe ao palco do Rivoli às 19 horas e amanhã às 17 horas.

No campo desportivo, pode assistir a uma prova internacional da elite do ténis em cadeira de rodas, no Clube de Ténis do Porto.

 

Mas, se a disposição for para realizar exercício ao ar livre, saiba que hoje e amanhã são Dias com Energia para pilates, ioga ou tai-chi em diversos locais e que entre as 10 e as 11,30 horas de domingo há Porto Antistress no Parque Oriental.

 

Os mercados de rua são outro prato forte do fim de semana. Das 10 às 20 horas deste sábado, decorre na Praça de Parada Leitão o Mercado de Artesanato do Porto. Não muito longe dali, na Praça de Carlos Alberto, realiza-se o Mercado Porto Belo, das 10 às 19 horas. Por seu turno, entre as 12 e as 19 horas, está de regresso à Praça do Marquês o MarketPlace - Casual STYLE. Já a feira da pulga ou Flea Market instala-se na Praça da República, entre as 14 e as 19 horas.

No domingo, é a vez do Mercado da Alegria dar um outro brilho ao Jardim do Passeio Alegre, entre as 10 e as 18 horas.Paralelamente, está a decorrer a Rota das Tapas, que convida a petiscar ao mesmo tempo que passeia pelo Centro Histórico do Porto.

RECEBA DIARIAMENTE AS NOTÍCIAS E EVENTOS DE
Porto

Registe aqui seu email para receber diariamente as últimas notícias e os próximos eventos a decorrer neste concelho.

EM DESTAQUEÚLTIMAS NOTÍCIAS DE Porto - VER TODAS